Header Ads Widget

header ads

Jogadores de tênis idosos têm resposta muscular semelhante a jovens

[ad_1]

Um estudo da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) comprova que o tênis é um esporte excelente para pessoas mais velhas. Entre outras vantagens, a atividade física com a raquete e bola trabalha o equilíbrio e, portanto, colabora na prevenção contra quedas.

Publicada na revista Journal of Science in Sport and Exercise, a pesquisa comparou um grupo de pessoas com mais de 65 anos, que jogava tênis semanalmente há pelo menos um ano, com jovens por volta dos 20 anos sem considerar o estilo de vida deles.

“Os jogadores de tênis mais velhos apresentaram uma performance de velocidade e resposta muscular semelhante aos jovens. Os idosos desenvolveram postura e mecanismo de defesas para lidar com quedas e mudanças de direção bruscas”, aponta o estudo.

0

 

Durante o experimento, os cientistas mediram o tempo de reação da musculatura da perna dos participantes a uma situação de desequilíbrio. A ativação elétrica dos músculos foi acompanhada por um exame chamado de eletromiografia.

Tênis promove adaptação

Para avaliar a rapidez da resposta muscular, os cientistas estabeleceram o marco de 200 milissegundos. Agir com reflexo significa que o sistema nervoso consegue ser ativado automaticamente, sem a necessidade de mandar um controle ao cérebro. Depois dos 200 milissegundos, considera-se que a pessoa precisou pensar para dar o comando de reação.

No caso dos tenistas na terceira idade, assim como nos jovens, o tempo de reação da musculatura ao estímulo do teste foi inferior ao ou igual a 200 milissegundos.

Além disso, enquanto os jovens reagem apenas quando perdem o equilíbrio, os idosos ativam os músculos com mais força antes de perderem o equilíbrio. Os pesquisadores entenderam essa diferença como um mecanismo de adaptação desenvolvido pelos idosos para manter o equilíbrio.

“A prática do tênis exige muito deslocamento de força e mudança de direção, o que trabalha o equilíbrio, o tempo de reação e mantém ativa a musculatura do atleta”, explica o pesquisador Eduardo Mendonça Scheeren, responsável pelo estudo. Ele acrescenta que, por isso, a prática do tênis pode aumentar a expectativa de vida.

Siga a editoria de Saúde no Instagram e fique por dentro de tudo sobre o assunto!

[ad_2] Source link

Postar um comentário

0 Comentários

header ads