Header Ads Widget

header ads

Suspeito de matar esposa em SC tinha porte de arma e BO por violência

[ad_1]

O empresário Sérgio Correa, de 59 anos, suspeito de matar a esposa, Eduarda Gorgik, 25, e depois cometer suicídio no apartamento do casal, em Itapema, no litoral norte de Santa Catarina, estava com a posse de uma arma de fogo, segundo a Polícia Civil.

O crime foi descoberto no último domingo (14/1), quando policiais militares encontraram os dois sem vida no apartamento após denúncia de um funcionário do empresário.

A arma passará por perícia para confirmar se estava registrada no Sistema Nacional de Armas da Polícia Federal (PF). Além disso, o delegado responsável pelo caso disse que Sérgio também tinha um boletim de ocorrência por violência doméstica. A informação é do g1.

No entanto, Eduarda não é a responsável por registrar essa denúncia contra o empresário. Ainda segundo o delegado, o boletim de ocorrência era de “outra mulher no passado”.

Até o momento, não se sabe o que motivou o crime. A PCSC segue investigando o caso.

Entenda o crime

Eduarda, a Duda, tinha 25 anos
Eduarda, a Duda, tinha 25 anos

O assassinato de Eduarda só foi descoberto após um prestador de serviço de Sérgio estranhar o sumiço do empresário. Perto da porta do imóvel, o funcionário viu que haviam dois celulares, que seriam do casal, guardados na caixa do hidrante do prédio e ligou para a Polícia Militar (PM).

Imagens de câmeras de segurança confirmaram que a jovem, no fim da tarde de sábado (13/1), saiu do apartamento e colocou os dois celulares no local. No momento, essa imagem é a última em que Eduarda aparece viva.

[ad_2] Source link https://www.blognaativa.com.br/suspeito-de-matar-esposa-em-sc-tinha-porte-de-arma-e-bo-por-violencia/?feed_id=7799&_unique_id=65a7b86d63aa6

Postar um comentário

0 Comentários

header ads