Header Ads Widget

header ads

SP teve aumento de 9% nos pedidos por limpeza de bueiro; 84 por dia

[ad_1]

São Paulo — A Prefeitura de São Paulo recebeu mais de 30 mil chamados para limpar bueiros entupidos ao longo de 2023, um aumento de quase 9% em relação ao ano anterior (28 mil). Em média, foram 84 pedidos por dia na capital paulista no ano passado. Os números são do Portal 156 da administração municipal.

Quem caminha pelas ruas da cidade sabe que é comum ter que pular as guias e sarjetas para não molhar os pés nas poças depois de uma tempestade. Para o motoristas, fica sempre a certeza de que em algum ponto os pneus vão espirrar água para todo lado.

0

Na última quinta-feira (18/1), no bairro de Pinheiros, na zona oeste, a reportagem do Metrópoles encontrou diversos bueiros entupidos após uma chuva rápida de fim de tarde.

Segundo os dados da prefeitura, sob a gestão de Ricardo Nunes (MDB), os bairros da zona leste estão no topo de pedidos por limpeza de bueiros. Entre os 10 distritos com mais chamados, cinco são daquela região da cidade.

Veja os bairros com mais pedidos*

  1. Itaquera – 811
  2. Jardim Helena – 792
  3. Tremembé – 621
  4. Cidade Ademar – 612
  5. Grajaú – 607
  6. Itaim Bibi – 601
  7. Iguatemi – 555
  8. Vila Jacuí – 501
  9. Brasilândia – 484
  10. Carrão – 474

(*Solicitar limpeza de bueiros, boca de lobo e poços de visita)

O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da própria administração municipal, registrou até domingo (21/1) 139 pontos de alagamento em janeiro em toda a capital paulista. No ano passado, no mesmo período, foram 104. Vale ressaltar, entretanto, que a formação de alagamento depende, entre outros fatores, do volume e da intensidade das chuvas, que pode variar bastante entre os dois períodos citados.

No último dia 10, por exemplo, a capital teve 37 pontos de alagamento, sendo 33 intransitáveis. O CGE registrou mais de 70 mm de chuva ao longo do dia em estações meteorológicas como Sé, no centro, e Santo Amaro, na zona sul.

A prefeitura tem duas classificações para pedidos por limpeza em bueiros, e ambos foram considerados no cálculo. Um deles é “Solicitar limpeza de bueiros, boca de lobo e poços de visita”. O outro é “Drenagem de água da chuva – Bueiros e bocas de lobo”. Só no primeiro é possível chegar ao número de chamados por distritos (e subprefeituras). No segundo, falta essa informação na planilha entre abril e junho de 2023, por isso essa classificação foi desconsiderada na localização por distrito.

O que diz a prefeitura

A Subprefeitura Pinheiros diz que os bueiros citados pela reportagem foram limpos nesta segunda (22/1) e que faz limpezas semanais ou entre 15 e 20 dias no período chuvoso.

Segundo a subprefeitura, em 2023, na região de Pinheiros, foram limpos 9.426 poços de visita e bocas de lobo. Em 2022, foram limpos 6.224 poços de visita e bocas de lobo.

A prefeitura afirma que as equipes de zeladoria e fiscalização atuam juntas na verificação e limpeza. Quando identificada uma obstrução ou resíduos provenientes de obras, a fiscalização da subprefeitura é acionada. Um agente vistor vai até o local e aplica a multa.

“Vale mencionar também que, em 2023, foram emitidas 353 multas, no montante de R$ 5,1 milhões, com base nos artigos 164 e 169 da Lei N.º 13.478/2002, e da Lei Nº 17.916/2023. Em 2022, foram 75 multas foram lavradas, totalizando o valor de R$ 1,4 milhão”, diz, em nota.

A prefeitura diz também que o aumento das solicitações acontece depois que houve a diminuição em mais de 90% no tempo médio de atendimento em diversos serviços. “A capital paulista tem o maior sistema integrado de zeladoria do país”, afirma.

[ad_2] Source link https://www.blognaativa.com.br/sp-teve-aumento-de-9-nos-pedidos-por-limpeza-de-bueiro-84-por-dia/?feed_id=9953&_unique_id=65af544db89de

Postar um comentário

0 Comentários

header ads