Header Ads Widget

header ads

Grêmio vence o Fluminense no Maracanã e é vice-campeão do Brasileirão

[ad_1]

Na sua despedida do futebol brasileiro, Luis Suárez fez aquilo que o consagrou como um dos maiores da sua posição. Nessa quarta-feira (6/12), pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o uruguaio marcou dois gols na vitória do Grêmio sobre o Fluminense por 3 x 2, no Maracanã. O resultado garantiu ao time gaúcho o título de vice-campeão, que vale vaga direta na Libertadores de 2024.

Com as derrotas de Atlético-MG e Flamengo, o Grêmio chegou a 68 pontos e terminou o Brasileirão em segundo lugar. O campeão foi o Palmeiras, com 70. Durante sua passagem no Sul, Luis Suárez entrou em campo 54 vezes, marcando 29 gols e contribuindo com 17 assistências. Na Série A, foi o líder de assistências, com 11 e fez 17 gols.

Agora o Fluminense se prepara para a disputa do Mundial de Clubes da Fifa. Viaja no próximo dia 12 para a Arábia Saudita, sede do torneio. O time carioca estreia no dia 18 e os adversários podem ser Al-Ahly, do Egito,, Al-Ittihad, da Arábia Saudita, ou Auckland City, da Austrália. A final está prevista para o dia 22. É aguardado um confronto entre Fluminense e Manchester City, da Inglaterra.

Pensando no Mundial, o Fluminense começou com o freio de mão puxado, enquanto o Grêmio, com a ambição pelo G-4, iniciou de modo reativo. Mesmo assim, Luís Suárez arriscou de longe e a bola passou sob o gol de Fábio. A resposta dos donos da casa veio em chute de Cano, defendido por Caíque, e em voleio de Marcelo, que passou rente ao travessão. A partir dos 30 minutos, o duelo ficou frenético.

O zagueiro Rodrigo Ely cortou a bola com o braço e o juiz assinalou pênalti para o Fluminense. Arias deslocou Caíque e abriu o placar, aos 32 minutos. A resposta do Grêmio veio logo depois. Luís Suárez recebeu antes da linha do meio campo, avançou sem marcação, driblou Fábio e empatou, aos 42. Foi o primeiro gol do uruguaio no Maracanã. A virada foi relâmpago. Em novo contragolpe, a bola sobrou para Everton Galdino, que bateu colocado, aos 44, levando os gaúchos em vantagem para o intervalo.

Na segunda etapa, o Grêmio voltou aceso. Com menos de um minuto, Pepê perdeu grande chance. Dominando o cenário, Luis Suárez marcou seu segundo gol na partida. Ferreira recebeu lindo passe do uruguaio e foi derrubado dentro da área. Na cobrança de pênalti, Suárez bateu com cavadinha, cheio de categoria, para ampliar aos 17. O gol acordou o Fluminense.

Buscando ter mais a posse de bola e imprimir seu ritmo, o time de Fernando Diniz começou a acelerar o jogo, no seu estilo. Cano teve a chance de diminuir, mas cabeceou para fora. Trocando passes, a estrela de John Kennedy brilhou. O atacante recebeu na entrada da área, fintou a marcação do Grêmio inteira e bateu rasteiro para descontar, aos 37.

A reação do time carioca veio tarde demais. Apesar da pressão nos minutos finais, o Grêmio se fechou e garantiu e os três pontos que coroaram a sua grande campanha.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 2 x 3 GRÊMIO

FLUMINENSE – Fábio; Guga (Yony González), Nino (Thiago Santos), Felipe Melo (John Kennedy) e Marcelo (Diogo Barbosa); André, Martinelli e Paulo Henrique Ganso (Lima); Arias, Germán Cano e Keno. Técnico: Fernando Diniz.

GRÊMIO – Caíque; João Pedro, Rodrigo Ely, Kannemann e Reinaldo; Villasanti, Pepê e Carballo (Cristaldo); Everton Galdino (Nathan Fernandes), Luis Suárez e Ferreira. Técnico: Renato Gaúcho.

GOLS – Arias, aos 32, Luís Suárez, aos 42, e Everton Galdino, aos 44 minutos do primeiro tempo. Luis Suárez, aos 17, John Kennedy, aos 37 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – André, John Kennedy e Nino (Fluminense); Rodrigo Ely, Kannemann e Reinaldo (Grêmio).

ÁRBITRO – Raphael Claus (SP).

RENDA – R$ 1.635.410.50.

PÚBLICO – 43.286 total.

LOCAL – Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).

[ad_2] Source link https://www.fogocruzadodf.com.br/2023/12/07/gremio-vence-o-fluminense-no-maracana-e-e-vice-campeao-do-brasileirao/?feed_id=124&_unique_id=65713eb600393

Postar um comentário

0 Comentários

header ads