Header Ads Widget

header ads

Após Colorado, Maine desqualifica candidatura de Trump nas prévias

[ad_1]

A principal autoridade eleitoral do Maine, nos Estados Unidos, decidiu, nesta quinta-feira (28/12), desqualificar a candidatura do ex-presidente Donald Trump no estado para a eleição presidencial de 2024. O bilionário é o favorito na disputa pela Casa Branca contra o democrata Joe Biden, atual presidente norte-americano.

A decisão da secretária de Estado do Maine, Shenna Bellows, argumentou que Trump incitou uma insurreição ao compartilhar informações falsas de fraude nas eleições de 2020, quando perdeu a disputa presidencial para Biden. Ainda cabe recurso.

Trump foi considerado constitucionalmente inelegível, e não poderá aparecer nas cédulas nas eleições primárias do estado no próximo ano. As prévias decidem qual candidato do partido Republicano vai disputar o pleito de 2024 contra Biden.

0

O entendimento do Maine segue a decisão da Suprema Corte do Colorado, que na semana passada proibiu a participação de Trump na eleição norte-americana de 2024 no estado.

As eleições primárias no Colorado e em Maine ocorrerão em 5 de março. A legislação dos Estados Unidos determina que as autoridades estaduais devem enviar as cédulas para militares que servem fora do país até 45 dias antes do pleito, o que significa que o documento precisa ser separado ainda em janeiro.

No entanto, Trump conseguiu decisões recentes favoráveis em Michigan, Arizona e Minnesota, que autorizaram a disputa do ex-presidente nas eleições primárias nesses estados.

[ad_2] Source link https://www.blognaativa.com.br/apos-colorado-maine-desqualifica-candidatura-de-trump-nas-previas/?feed_id=3693&_unique_id=658e2a515a6bc

Postar um comentário

0 Comentários

header ads