More

    outras notícias

    Investigação da PCGO prende homem que se passava por entregador de aplicativo para vender drogas


    A Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), realizou hoje (06/5) diligências no intuito cumprir dois mandados de prisão temporária e três mandados de busca e apreensão na Região Noroeste de Goiânia. Visando coibir o tráfico de drogas na modalidade “varejo”, foi instaurado inquérito policial no qual se apurou que um homem de 21 anos se valia da condição de entregador de aplicativo para promover o tráfico de drogas ilícitas, notadamente “maconha”, “cocaína” e “ecstasy”.

    Segundo relatou informalmente o autuado, a condição de entregador facilitava o trânsito com sua motocicleta nas vias da cidade, evitando especialmente abordagens policiais. As drogas eram acondicionadas em bolsos da mochila térmica, juntamente com os alimentos e bebidas. No curso das investigações, restou provada a participação de outro indivíduo de 18 anos, o qual costumava armazenar os entorpecentes em sua residência, a pedido do entregador.

    Durante o cumprimento das buscas, foram apreendidos drogas ilícitas e aparelhos celulares, cujos dados servirão para instruir o inquérito policial. O procedimento investigativo será concluído nos próximos 30 dias e encaminhado ao Poder Judiciário para as providências cabíveis.



    Source link

    Latest Posts

    recentes

    Stay in touch

    To be updated with all the latest news, offers and special announcements.