“Muitas vezes, o atleta estava apto fisicamente e não tinha condições de arcar com os custos financeiros de um torneio que ocorre fora de sua cidade de origem”
Giselle Ferreira, secretária de Esporte e Lazer

O esporte está a todo vapor. Enquanto a capital federal segue recebendo múltiplos eventos esportivos, atletas locais viajam para campeonatos nacionais em busca de títulos e pódios pelo programa Compete Brasília, da Secretaria de Esporte e Lazer (SEL). Nesta semana, representantes de três modalidades foram contemplados com o benefício, que incentiva a participação de atletas de alto rendimento em torneios no mundo afora.

O Campeonato Brasileiro Sub-21 Feminino, em Pindamonhangaba (SP), terminou na quarta-feira (20) com a presença da equipe feminina do Distrito Federal, que alcançou o quarto lugar no quadro geral. Participaram mais de 100 judocas de todo o país. A competição abriu uma série de cinco eventos nacionais da Confederação Brasileira de Judô (CBJ). Das sete atletas brasilienses, quatro participaram por meio do Compete Brasília.

A secretária de Esporte e Lazer, Giselle Ferreira, reforça a importância do programa para a democratização do esporte na cidade. “Muitas vezes, o atleta estava apto fisicamente, na sua melhor forma, e não tinha condições de arcar com os custos financeiros de um torneio que ocorre fora de sua cidade de origem. Atendemos cada demanda que chega à nossa secretaria para evitar esse tipo de acontecimento”, explica.

Judô

Bianca Reis foi a campeã na categoria 57 kg meio leve e Dandara Velozo de Oliveira ficou com o quinto lugar na categoria +78 kg pesado. Tamysis Ribeiro Caixeta, da categoria 48 kg ligeiro, e Kaillany Cristine Souza Soares, 52 kg meio leve, retornaram apenas com as participações e experiências. “Estou feliz também que agora, no fim do ano, fui classificada para a seletiva olímpica. Quero dar o meu máximo, igual ao que fiz aqui”, resumiu Bianca.

Jiu-jítsu

Atletas de jiu-jítsu viajaram para o Rio de Janeiro | Foto: Divulgação/SEL

Uma comitiva de oito atletas embarcou, pelo Compete Brasília, para o Rio de Janeiro (RJ), com destino ao Grand Slam de Abu Dhabi, etapa Brasil, que ocorre desta sexta (22) a domingo (24).  Diego Pereira de Santana luta na categoria até 95 kg, Cauê Oliveira Rodrigues e Edvaldo Alves estão nos confrontos de até 85 kg; Windson Alves e Leonardo Oliveira, respectivamente, fazem parte das categorias até 94 kg e 67 kg. Sofia Veloso disputa na classe até 70 kg, e Yan Lucas Cordeiro até, 77 kg.

Três vezes campeão no Grand Slam Abu Dhabi, Francisco Santoro, vai defender o título em busca do tricampeonato na categoria profissional até 120 kg. “O custeio da passagem é muito alto. Só de o atleta conseguir a passagem, já é mais de 70% do caminho percorrido. Portanto, a Secretaria de Esporte, juntamente com o Governo do Distrito Federal, tem extrema importância na vida do competidor”, avalia o lutador de jiu-jitsu, que estreia no tatame neste sábado (23).

Maratonas aquáticas

A sexta etapa do Campeonato Brasileiro Interclubes de Maratonas Aquáticas anima Porto Alegre (RS) neste fim de semana e conta com a participação de três esportistas brasilienses: o recordista do Centro-Oeste, Kenuê Teixeira de Sá Santana, e as nadadoras juvenis Adriadna Vivas Maia, da Aquanaii, e Julia Couto Alves, do Iate Clube.

*Com informações da Secretaria de Esporte e Lazer