A loja Zara de um shopping de Fortaleza (CE), onde uma delegada negra sofreu racismo e o gerente foi indiciado pelo crime, tinha um “código” que alertava os funcionários sobre a presença de clientes negros ou que estivessem usando roupas simples, diz a investigação policial. | #sbtnews #primeiroimpacto #crime #racismo #fortaleza #ceara

SAIBA MAIS –

Todas as notícias em http://www.sbtnews.com.br