Começam na próxima quarta-feira (13) as inscrições para o curso Como Implantar uma Agroindústria de Pequeno Porte de Ovos. A atividade é direcionada a produtores rurais atendidos pela Emater-DF, proprietários de pequenos negócios – que trabalham com escala máxima de 3,6 mil ovos de galinha ou 18 mil ovos de codorna por dia.

Arte: Emater-DF

A partir desta segunda-feira, os interessados devem acessar o site da Emater-DF e clicar no link do curso, que ficará disponível até o próximo dia 31, quando se encerram as inscrições. A participação é gratuita.

“São itens importantes para quem quer vender em locais como supermercados e restaurantes. Sem contar que agrega valor ao produto, pois, se ele seguir todos os passos, vai conseguir as certificações que atestam qualidade ao produto”
Sônia Cascelli, economista doméstica da Emater-DF

O curso será realizado na modalidade EAD (educação a distância) por meio da plataforma Google Sala de Aula, ferramenta gratuita e simples de ser utilizada. Os inscritos poderão acessar seu conteúdo de qualquer computador ou dispositivo conectado à internet, nos horários que forem mais convenientes e quantas vezes acharem necessárias. As aulas ficarão disponíveis entre 16 e 30 de novembro.

De acordo com a economista doméstica da Emater-DF Sônia Cascelli, o curso é uma oportunidade para produtores rurais que já atuam na área de agroindústria de ovos se profissionalizarem. Os módulos tratarão de temas como requisitos básicos para agroindústria de ovos, legislação, boas práticas agropecuárias, boas práticas de fabricação e avaliação técnica e financeira da atividade.

“São itens importantes para quem quer vender em locais como supermercados e restaurantes. Sem contar que agrega valor ao produto, pois, se ele seguir todos os passos, vai conseguir as certificações que atestam qualidade ao produto”, explica.

Também será apresentada aos alunos do curso a planta básica para agroindústria avícola ou um entreposto de ovos, elaborada em conjunto pela Emater-DF e Secretaria de Agricultura (Seagri).

*Com informações da Emater-DF