O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), por meio da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (CEPDECMA), informa que a tempestade de poeira que acometeu o município de Grajaú, hoje, dia 01/10/21 as 11:30, não provocou danos e prejuízos consideráveis, apesar de vários locais da cidade terem recebido bastante sujeira durante o vendaval.
Segundo o meteorologista da UEMA, Hallan Cerqueira, o fenômeno está associado a uma anomalia observada no Oceano Atlântico, que tem trazido umidade além do normal pra essa época do ano, que é muito quente. Então quando essa umidade cai no solo seco acaba levantando essas nuvens de poeira.
Quando as chuvas avançam para lugares muito quentes, nos quais se acumulou muita poeira dos meses que são extremamente secos, os ventos mais frios, que são mais densos, saem dessas nuvens de chuvas e encontram esses ventos quentes formam uma turbulência próxima à superfície que levanta a poeira.
Nos próximos dias esse fenômeno pode ser observado em locais que ainda não receberam chuvas, mas à medida que elas forem acontecendo o solo vai ficando molhado e a possibilidade desse tipo de evento acontecer diminui bastante.

O post NOTA INFORMATIVA – TEMPESTADE DE POEIRA EM GRAJAÚ apareceu primeiro em Policiamento Inteligente.