O Governo do Distrito Federal (GDF), por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), entregou na manhã deste domingo (3) um estacionamento com 206 vagas na via L3 Sul, altura da 603, na Asa Sul. O governador Ibaneis Rocha visitou o espaço e anunciou novas melhorias.

O novo estacionamento atenderá aproximadamente 2 mil pessoas, incluindo os fiéis da Igreja Batista Central e os alunos do Centro Tecnológico de Brasília (Ceteb) e da creche Abrigo Casa do Caminho.

O novo estacionamento atenderá aproximadamente 2 mil pessoas, incluindo os fiéis da Igreja Batista Central e os alunos do Centro Tecnológico de Brasília (Ceteb) e da creche Abrigo Casa do Caminho | Fotos: Renato Alves / Agência Brasília

Acompanhado do secretário de Governo José Humberto Pires, do presidente da Câmara Legislativa, Rafael Prudente, e do diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Fauzi Nacfur, Ibaneis anunciou ainda a instalação de postes de iluminação pública e o acesso direto à via que leva ao Lago Sul pela Ponte Costa e Silva.

“Tenho buscado trabalhar em parceria com as igrejas e não faço isso porque sou religioso, mas pelo reconhecimento do belíssimo trabalho que elas fazem e que eu chamo de moeda social”, declarou Ibaneis aos fiéis.

Investimentos

Os serviços de nivelamento do solo, pavimentação da área de 150 metros x 40 metros, sinalização horizontal, e demarcação de 202 vagas para automóveis e quatro para motos foram executados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). À Companhia Urbanizadora da Nova Capital  (Novacap) coube a instalação dos meios-fios. Foram investidos aproximadamente R$ 800 mil.

“Apesar de ter sido uma obra de pequeno porte, é de grande importância por atender a igreja, a escola e o Ministério Público que estão ao lado e antes ocupavam a pista para parar o carro, colocando em risco até a segurança viária”, avaliou Fauzi Nacfur.

Pastor da Igreja Central de Brasília, Ricardo Espíndola comemorou a oferta de mais espaço, o que dará mais segurança e conforto aos frequentadores do templo. “Conseguimos quadruplicar o número de vagas do estacionamento que já tínhamos e estava insuficiente para atender nossos fiéis e os espaços vizinhos”, afirmou ele.