Uma emenda parlamentar do Presidente da Câmara Legislativa, Deputado Rafael Prudente do MDB, garantiu os recursos para a implementação do programa que combate o machismo nas escolas.

O projeto coordenado pela Associação das Mulheres de Sobradinho II, traz a implementação de atividades em meio virtual e presencial, com o objetivo de combater a desigualdade de gênero, reduzir os índices de violência doméstica assédio e estupro e a objetificação da mulher.

O programa criado com base na lei 5.806/17, de autoria do ex-deputado Ricardo Vale, teve início no dia 17 de setembro, em Sobradinho e percorrerá mais 18 unidades educacionais de Sobradinho, Sobradinho II, Fercal e Planaltina até 2022.

“Precisamos garantir mecanismos para combater a violência às mulheres e o machismo, por isso os ensinamentos devem ser adotados já no início da educação de nossos filhos, e a escola é o melhor caminho”, destacou Rafael Prudente.

Serão contemplados com mais de 40 atividades todos os alunos a partir de 13 anos, da rede básica de ensino, Ensino Fundamental II, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos. As atividades contam com oficinas, aulas de teatro, música, palestras e debates. Elas serão desenvolvidas nos períodos matutino, vespertino e noturno. Dentre os principais temas a serem explorados, estão a Violência Doméstica Contra Meninas e Mulheres; Machismo x Feminismo; Entenda as diferenças; e O machismo mata! Chega de feminicídio!

De acordo com a Associação das Mulheres de Sobradinho II, com a pandemia, os índices da violência doméstica aumentaram ainda mais e esses problemas devem ser tratados nos setores de proteção, em suas organizações sociais, inclusive, no educacional, envolvendo toda comunidade escolar.

Reportagem: Assessoria de imprensa Deputado Rafael Prudente