A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia de Bela Vista de Goiás, cumpriu, nesta sexta-feira (1°), mandado de prisão preventiva em desfavor de Adelirton Jerônimo do Nascimento, de 63 anos, investigado pelo crime de estupro de vulnerável praticado na cidade de Bela Vista de Goiás em face da menor de 14 anos, mas que tinha apenas nove anos na época do crime.

De acordo com as investigações, o homem praticou o ato em ocasião em que a criança foi passear em sua fazenda. A menina, conforme relata a delegada Magda D’Ávila, criou coragem de denunciar o idoso após tomar conhecimento de outras vítimas do mesmo autor.

Entre as vítimas está uma menina parente do investigado, vítima de abusos dos cinco aos 14 anos de idade na cidade de Goiânia. Uma vizinha do autor à época, foi vítima aos 13 anos de idade na cidade de Aparecida de Goiânia. Outra parente foi vítima de abusos por 12 anos, sendo que o primeiro abuso ocorreu quando contava com apenas 10 anos na cidade de Goiânia. O mesmo fato se repetiu com mais uma menina com grau de parentesco, também vítima pela primeira vez aos 10 anos de idade, na capital.

Devido à quantidade de vítimas em cidades diferentes e ao tempo transcorrido sem que nenhuma vítima tivesse denunciado, a delegada considera que podem existir outras vítimas. Por esse motivo, a foto do autor está sendo divulgada, de acordo com a Portaria nº 547/2021 da Polícia Civil de Goiás e Lei 13.869.

O post Suspeito de estupro de vulnerável é preso em Bela Vista; polícia procura novas vítimas apareceu primeiro em Policiamento Inteligente.