O primeiro sábado de outubro vai iniciar com uma deliciosa e saudável notícia: o Restaurante Comunitário de Ceilândia, localizado próximo à Feira Central e da administração regional, vai oferecer café da manhã. Além do almoço, ao valor de R$ 1, a população vai poder fazer o desjejum a R$ 0,50.
“É o terceiro refeitório, em menos de uma semana. O quinto em cerca de um mês, que passa a oferecer esse serviço. Durante muitos anos, apenas duas unidades tinham café da manhã. Nosso planejamento segue no intuito de tentar expandir essa proposta gradativamente”, enfatiza a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha. Hoje, os restaurantes comunitários de Samambaia, Sol Nascente, Estrutural e São Sebastião já oferecem o serviço.
Responsável pela quarta maior demanda ao longo dos oito primeiros meses deste ano, Ceilândia vendeu 384.390 refeições, ficando atrás somente de Brazlândia, Riacho Fundo e São Sebastião. “A prioridade é realmente fortalecer o atendimento à população nesses locais onde o movimento é mais intenso”, justifica Mayara Noronha.
De acordo com a subsecretária de Segurança Alimentar e Nutricional, Karla Lisboa, a montagem do cardápio tem a participação de nutricionistas da secretaria e das empresas gestoras das unidades. “O objetivo de oferecer uma refeição nutritiva, balanceada, saudável e saborosa”, explica.
*Com informações da Secretaria de Desenvolvimento Social