O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou a lei que permite que gestores públicos que foram multados por contas irregulares não fiquem inelegíveis. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta 5ª feira (30.set) e, a partir desta alteração, aqueles que foram condenados a pagar multa por irregularidades nas contas, mas que não tenham causado danos ao orçamento público, poderão se candidatar.

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) fez uma manifestação em frente ao condomínio, em Brasília, onde mora o senador Flávio Bolsonaro (Patriota – RJ). Os manifestantes estenderam faixas em protesto contra a fome e a inflação.

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia recebeu nesta 5ª (30.set) o empresário Otávio Oscar Fakhoury, que compareceu devido suspeitas de que ele seja um financiador de veículos propagadores de fake news sobre a pandemia de covid-19.

O programa vai ao ar de segunda a sexta às 17h30, no @SBT News
__________________________________________________
Saiba mais em: https://www.sbtnews.com.br/