RS: Federação de Municípios reafirma posição pelo não retorno

0
18


Em assembleia geral realizada na manhã desta terça-feira (6), a Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) reafirmou, por unanimidade, sua posição em discordância ao retorno às aulas presenciais no estado. Também solicitou ao governador para não condicionar a volta das atividades à retomada presencial das aulas.

Em nota pública, a entidade informa que deliberou as seguintes resoluções: 

– Reafirmar a orientação de não retornar às atividades escolares enquanto não houver a segurança absoluta para crianças, estudantes e servidores da educação, bem como garantir cumprimento integral da legislação e protocolos, respeitando a decisão contrária de municípios que, de acordo com a sua realidade local, considerarem preenchidos tais requisitos;

– Manter as atividades remotas de ensino conforme vem ocorrendo até o momento, mas solicitando, desde logo, à Secretaria Estadual de Educação um plano para recuperação das aulas a partir da viabilização do retorno das atividades educacionais em todo o Estado;

– Reconhecer o trabalho dos servidores da educação que, desde o início da pandemia, não têm medido esforços em levar aos estudantes gaúchos as atividades remotas planejadas em cada educandário, mesmo com as dificuldades que o momento impõe a todos nós;

– Solicitar ao Excelentíssimo Senhor Governador do Estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), que não condicione o retorno de nenhuma atividade a eventual retorno presencial das aulas nas cidades gaúchas, sob pena de ferir a autonomia dos municípios e impor aos gestores municipais pressões e responsabilidades que devem ser suportadas pelo Governo do Estado.

Fonte: BdF Rio Grande do Sul

Edição: Marcelo Ferreira



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here