'Japão deve pedir que EUA se apressem com o Dólar digital', diz executivo da Fisco

0
24
'Japão deve pedir que EUA se apressem com o Dólar digital', diz executivo da Fisco
'Japão deve pedir que EUA se apressem com o Dólar digital', diz executivo da Fisco

O Japão está atrás da curva para o estabelecimento de uma moeda digital do banco central e deve dar seu peso aos Estados Unidos, estabelecendo um Dólar digital, diz Takaya Nakamura, executivo da exchange Fisco.

O governo japonês planeja incluir a consideração de uma moeda digital do banco central (CBDC) em seu plano econômico oficial em breve, mas o país está consideravelmente atrás dos esforços da China com o Yuan digital.

Na competição global pela supremacia nas moedas digitais, o papel do Japão deve ser instar os Estados Unidos a levar uma CBDC mais a sério, disse Nakamura ao Cointegraph. “O Japão não tem mais o poder nacional de fazer algo de forma independente”, disse ele. 

“Portanto, é compreensível se eles querem colaborar com outros países avançados e influenciar o desenvolvimento de moedas digitais”

O Banco do Japão já começou a trabalhar com os bancos centrais da Grã-Bretanha, zona do euro, Canadá, Suécia e Suíça na pesquisa de moedas digitais. Os Estados Unidos ainda não estão incluídos na coalizão.

O Japão depende dos Estados Unidos, tanto econômica quanto militarmente. Além disso, o Japão detém a maior parte de suas reservas de moeda estrangeira em dólares americanos. Portanto, “seria difícil para o Japão deixar o Dólar ir”, apontou Nakamura. 

“Os países europeus podem estar pensando de maneira diferente, mas para o Japão, eles nem estão preparados para a CBDC e isso não é bom. Eu acho que o Japão esperaria que os Estados Unidos avançassem e bloqueiem o aumento do Yuan digital pela digitalização do dólar americano.”

Quando os EUA se mudarão?

No mês passado, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, não revelou nenhum progresso concreto no Dólar digital. Mas falando diante do Comitê de Serviços Financeiros da Câmara, Powell declarou: 

“Se isso é algo que vai ser bom para a economia dos Estados Unidos e para a moeda de reserva mundial, que é o Dólar, precisamos estar lá e entendê-lo primeiro e melhor.”

Nakamura atribui a lenta resposta do Fed à sua vantagem já estabelecida no atual sistema financeiro. Mas ele acha que, à medida que a China se tornar mais agressiva com sua CBDC e romper a fortaleza da hegemonia do Dólar, os Estados Unidos não terão escolha a não ser avançar com o Dólar digital.

Outra possibilidade seria usar uma versão ‘diluída’ do Libra do Facebook. Em abril, o Libra mudou seu white paper para aparentemente se comprometer com os reguladores dos EUA.

Leia mais:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here