Delivery de medicamentos cresce 72% na pandemia e ajuda no distanciamento social | Curitiba e Região | Tribuna PR – Paraná Online

0
36
Delivery de medicamentos cresce 72% na pandemia e ajuda no distanciamento social
Delivery de medicamentos cresce 72% na pandemia e ajuda no distanciamento social

Vem decreto, vai decreto, e a população ainda se sente perdida não só sobre o que abre e fecha na cidade, como também sobre a duração das restrições impostas pela pandemia do coronavírus. Enquanto isso, os serviços de delivery ganham mais espaço e crescem na confiança e no gosto dos consumidores. A questão é que nem só de pizza e lanche vive o setor.

As entregas de medicamentos, por exemplo, ganharam muito espaço e cada vez mais clientes aderem ao serviço para evitar uma exposição desnecessária nas ruas. E melhor ainda, tem empresas realizando entregas gratuitas.

Com a chegada da covid-19, a procura por proteção e segurança alavancou as vendas virtuais nas farmácias. De acordo com a Abrafarma, a Associação Brasileira das Redes de Farmácias, o movimento do comércio eletrônico na indústria farmacêutica subiu 72% entre janeiro e abril deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado.

Até o início da pandemia, menos de 1% das vendas nas farmácias eram realizadas virtualmente, e cerca de 80% das redes nem possuíam um serviço semelhante. A previsão é que a demanda continue crescendo nos próximos meses.

Segundo Cristiano Cândido, um dos fundadores do aplicativo AZ DrugStore, a demanda reprimida no mercado foi uma das motivações para a criação de uma marketplace. ‘‘Ao contrário de grandes redes de farmácia que possuem plataformas próprias, muitos negócios locais ainda tem dificuldade para começar as vendas digitais. Pensamos em um app que também pudesse facilitar a modernização das farmácias menores’’, explica.

“Uber” das farmácias

Com as medidas restritivas, as farmácias continuam abertas, mas muitos clientes têm preferido comprar medicamentos, itens de perfumaria, higiene pessoal e cosméticos por aplicativos durante a pandemia. A motivação principal é evitar aglomeração e manter a segurança, seguindo ao máximo as orientações das autoridades de saúde.

Com isso, o aplicativo AZ Drugstore, conhecido com ‘‘o Uber das farmácias’’, trouxe inovação para o cenário. A plataforma conta com a parceria de mais de 100 farmácias em Curitiba e região e neste período, quem compra pelo aplicativo não paga taxa de entrega.

Como funciona?

Depois de baixar o aplicativo em seu smartphone (isso pode ser feito no link http://onelink.to/w9vren ou na PlayStore nos celulares Android e IOS para quem tem Iphone), o usuário pode buscar medicamentos, cosméticos e outros produtos, abrindo um pedido no app. Em seguida, todas as farmácias cadastradas, e que atendem e entregam produtos no raio de localização do cliente, são notificadas.

A primeira farmácia que aceitar o pedido consegue fechar a venda.

Para o consumidor do aplicativo, a vantagem é saber exatamente quanto irá pagar antes mesmo de seu pedido ser aceito por uma das farmácias cadastradas. A plataforma oferece produtos a preços competitivos, entregas rápidas, sem taxas administrativas e sem taxa de entrega para compras acima de R$ 20.

O aplicativo é intuitivo e foi desenvolvido para promover uma experiência de compra fácil. O pagamento é feito diretamente à farmácia, fora da plataforma, a fim de evitar taxas extras e possibilitar que o cliente pague somente no momento da entrega com o máximo de segurança.

Para as farmácias que se interessarem em participar do aplicativo, o contato sugerido é o e-mail: sac@azdrugstore.com.br.

Saiba mais sobre o aplicativo conhecido como o Uber das Farmácias.

A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?

Apoie a Tribuna!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here